segunda-feira, 26 de janeiro de 2009

Cobertura de Neve


(clique na imagem para ampliar) Retirado de http://rapidfire.sci.gsfc.nasa.gov/
Hoje, a neve cobria o solo de cerca de 80% do PNM. É já o sétimo nevão deste inverno a cotas médias de 700-800 msm (onde vive a maior parte da população).
Depois do ano passado ter sido o ano mais pobre em neve de que há memória, tendo o último Inverno o 4º valor mais alto de temperatura máxima desde 1931 (e sendo o mês de Janeiro o mês com maior valor de Tº Máx. desde 1931) [1], prenunciando os pesados efeitos na região de um eventual aquecimento global, o que é certo é que este ano é já o sétimo nevão a cotas médias. Tendo em consideração que só ainda estamos em Janeiro, que pode nevar até Maio e que geralmente só há 2-4 episódios de neve por ano, este Inverno pode ficar na história, sendo comparável a Invernos de meados do século XX.
É de realçar que, apesar de ser um Inverno excepcional em termos de episódios de neve e de ser aliciante, para alguns, pensar que a Europa Ocidental pode estar a arrefecer ou que podemos estar na iminência de uma nova era glaciar, como muitos dizem, estes dados não são significativos em termos estatísticos, enquanto que o aumento da sua frequência não for verificado num largo período de anos. (Sendo mais rigoroso, mesmo que a frequência deste fenómeno não aumente, se aumentar a variabilidade da sua ocorrência, num longo intervalo de tempo, já se considera alteração climática.) [2]

Sem comentários: